Menu
Parceiros
RuneScapeTuga - A Sua Aventura Começa Aqui!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Fim ou perdão
por wallaceguitar Qua Dez 12, 2012 3:47 pm

» Felicidade ou solidão
por wallaceguitar Ter Set 11, 2012 8:51 pm

» Valkyrie Memories
por Cross Ter Ago 14, 2012 6:29 pm

» Minha flor
por wallaceguitar Qui Ago 02, 2012 8:39 pm

» Dilema entre o amor e a dor
por wallaceguitar Sex Jul 27, 2012 7:02 pm

» One piece fdsfds
por Cross Qua Jul 04, 2012 12:04 pm

» Inconspícua liberdade
por wallaceguitar Dom Jul 01, 2012 4:09 pm

» Minha vida
por wallaceguitar Qui Jun 28, 2012 2:02 pm

» A contestação da vida
por wallaceguitar Ter Jun 19, 2012 8:36 pm

» Nada existe sem você
por wallaceguitar Sab Jun 16, 2012 2:49 pm

Relógio

Apocalipse Paranormal

Ir em baixo

Apocalipse Paranormal

Mensagem por Cross em Sex Maio 18, 2012 2:00 pm

Sinopse: Num mundo contemporâneo, Akemi uma estudante de colegial, lutadora de Kung fu, Karate, Taekwondo, Ninjutsu, Jiu Jitso e Judô, estava tendo um dia simples e normal como uma estudante normal ao lado de seus amigos chamados Makoto, Chieko, a Ken e o Mine quando de repente algo inusitado e muito fora do cotidiano acontece, o céu avermelhado e o sol negro aparecem e as pessoas começam a ficar loucas e começar a matar umas as outras e o grande apocalipse dito pela bíblia acontece, dividindo a população entre Satanistas e os servos de Deus em uma grande guerra onde o principal objetivo é achar o Destruidor aquele que de acordo com as runas do céu e inferno, sera aquele que ira destruir tanto o ying quanto o yang, Deus e Lucifer, Paraiso e Inferno. E isso também cria um sequencia de morte para destruir todos aqueles que forem ateus, agnósticos e pagãos e no caso de teístas inclui satanistas e no caso de satanistas inclui teístas.

Resumo:

Spoiler:
(Akemi Narradora - On)
Não sei como tudo veio acontecer, parece que tudo aconteceu tão rapidamente, parece que fez anos para o mundo ficar tão perigoso e tão destruído der repente, sendo que o que parecia que iria acontecer em muitos anos, iniciou se em 1 hora. E neste tempo antes apocalíptico, eu estava na minha escola como sempre sentada ao lado de Makoto, atrás dele esta o Mine que dormia como sempre durante a aula (-.-'), Chieko estava a prestar atenção no professor, ele é o garoto mais estudioso que eu conheço, Ken sempre estava a prestar atenção na janela muito seria e eu...bem digamos que tava fazendo algo muito importante..., mas antes de mostrar vamos mostrar como tudo aconteceu.
(Akemi Narradora - Off)

Horas antes de tudo começar, o dia estava amanhecendo na cidade de Tókio, Akemi estava a dormir tranquilamente até que o despertado toca. Akemi Se remexe na cama por um tempo com preguiça de levantar querendo ignorar o despertador e depois de um tempo ela aperta no botão parando o mesmo e se levanta da cama, Akemi se dirige para a janela e a abre e depois se espreguiça, ela começa a se trocar, tirando o seu pijama para vestir seu uniforme, tirando primeiro a camisa do pijama e veste a camisa do colégio, tira a calsa do pijama e troca pela saia, e bota as meias e depois o tennis. Ela desce as escadas aonde chega bem na hora que sua mãe estava preparando o café:
Aimi: Filha! Hoje você acordou mais cedo do que de costume. Ela diz isso com um enorme costume e sem tirar a atenção na preparação do café.
Akemi: Sabe mãe quanto mais cedo melhor alem disso não quero que role stress pra ir pro colégio. Diz ela com um sorriso fechado no rosto e com um olho fechado e fazendo um L com os dedos.
Aimi: Vai querer alguma coisa, querida? Diz a mãe com uma expressão bem alegre e fechando os dois olhos.
Akemi: Só um café pra mim esta bom. Diz isso botando o café na xícara e depois começando a tomar até que um tempo termina e diz: Estava muito bom, obrigada pelo café. Ela se vira em direção a porta abrindo ela e depois saindo de casa fechando a porta e indo a direção à escola.

Indo para a direção da escola, a estudante se encontra no caminho com a Ken, o Makoto, Chieko e Mine que são os amigos dela, ao ver a Ken, ela sai correndo e pula nas costas dela e falando com uma voz infantil:

Akemi (*-*): Keeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeen! Diz ela num tom animada e infantil e esfregando as bochechas dela nas bochechas da Ken.

Ken (-.-‘): Por que você tem que sempre pular em minhas costas? Virei por acaso uma égua pra você ficar montando? Diz ela com uma voz calma e cabulada e de olhos fechados, com a cabeça na direção do chão.

Makoto: Talvez você tenha virado mais que isso, por que você era égua agora mudou para outra coisa. Após dizer isso ele não agüenta e cai na risada.

Chieko: Coitada da Ken sempre tendo que carregar a Akemi, mas felizmente isso ira acabar, pois... – após ele dizer isso ele sem querer tropeça e cai para trás dando um giro que faz ele virar para trás e se segura nos ombros da outra amiga dele e isso trouxe consequências, pois ele acabou esfregando a cabeça entre os seios dela. Nervoso de medo ele diz: Olha Ken eu não fiz por querer...
Todos olham aquela cena e a Ken ta imóvel, os olhos dela começaram a brilhar e ela bota a Akemi delicadamente no chão, os outros viam o que ela iria fazer e vêem que ela pega um grande bastão que estava apoiado no muro e a mesma dá pequenos passos pra frente em quanto o Chieko dá pequenos passos para trás, até que eles finalmente correm, os outros vão atrás. Eles finalmente chegam na escola e quando entram na sala de aula, o Chieko estava com grandes galos na cabeça e entra chorando mesmo, mine senta na carteira dele e dorme no mesmo instante.

A aula começou e todos estavam bem atentos, ou melhor, quase pois a Akemi por exemplo estava desenhando em seu caderno estrelinhas, em quanto Chieko prestava atenção na aula, a Ken ficava olhando na janela olhando para o céu, Makoto ficava dormindo acordado e não prestou atenção em 50% da matéria, e após longas horas de aulas o sino bate, e todos se levantam, Akemi, Makoto, Mine, Chieko e a Ken se reúnem na mesma mesa pra conversar:

Mine: Como foram as aulas, pessoal? Diz o Mine meio sonolento e com um tom de cansando.

Ken: Normais como sempre, e você como sempre não prestou atenção né mesmo? Diz ela pondo a mão na cintura

Chieko: Não pode dizer nada Ken, você ficou a maior parte do tempo olhando para o céu e não fez uma anotação no caderno. Diz ele cruzando os braços e fechando os olhos após ajustar os óculos.

Makoto: Pelo visto iremos nos dar mal quando tiver avaliação por que daqui só o Chieko faz tudo o que o professor manda. Fala com um tom de decepção.

Akemi: Gente! Podemos estudar juntos que tal? Assim poderemos compensar a nossa falta de atenção. Diz ela num tom animada e bastante confiante levantando o braço pra cima.

Mine: Eh...acho legal, irei comprar meu lanche e já volto me encontrem la em cima. Diz ele se virando de costas e erguendo a mão até a cabeça.

Mine começava a caminhar pelo corredor calmamente se afastando cada vez mais do movimento, ele parecia despreocupo quando der repente uma garota baixa de cabelos brancos joga ele no armário do zelador e tranca a porta, ele fica sem entender nada e se levanta um pouco continuando deitado, a menina da um leve sorriso e diz:

Garota misteriosa: É aqui onde você ira encontrar seu fim. Após dizer isso ela da um sorriso maligno e macabro e olho com uma expressão com sede de sangue.
avatar
Cross
Administrador
Administrador

Mensagens : 31
Estrelas : 13
Data de inscrição : 23/04/2012

Ver perfil do usuário http://fanfic-online.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Apocalipse Paranormal

Mensagem por Gusfe em Sex Maio 18, 2012 5:57 pm



Mine: Olha esta brincadeira é muito chata e outra que é muito estranho, e só para constar... Quem é você? Após dizer isso ele faz uma expressão de duvida e principalmente confuso.

Garota misteriosa: Isso não é brincadeira humano, e se você acha estranho é normal, afinal não é todo dia que se vê um demônio de verdade. Eu sou um demônio soldado de Lúcifer e fui enviado para te dar duas opções: Ou se tornar um seguidor de Lúcifer ou morrer. Após dizer isso o demônio revela sua verdadeira forma e fica com um grande sorriso em seu rosto, mostrando estar preparado para matar.

Mine: Pelo visto é serio a coisa, deixa eu ver... acho que sei minha resposta. Após dizer isso ele se levanta aos poucos e movimentando secretamente o braço até que ele finalmente acha alguma coisa que era uma cruz, depois de fazer isso ele aponta para o demônio que começa a gritar e a se encolher de dor. Após fazer isso ele da um sorriso e diz: Isso foi um chute, nem sabia que existia uma cruz aqui, mas acho que isso deve ser sua fraqueza. Após dizer isso ele começa a se aproximar do demônio com a cruz.

Demônio: COMO OUSA FAZER ISSO HUMANO? EU SOU MAIS PODEROSO QUE VOCÊ, POR ISSO DEVE SUBMISSÂO E RESPEITO A MIM!!!! Diz isso em quanto grita de dor.

Mine: FIQUE QUIETO. Após dizer isso ele encosta com toda a força a cruz no peito do demônio que começa a brilhar por dentro em vermelho e depois de um tempo cai morto no chão sem alma nenhuma.

Mine se levanta e joga a cruz para atrás dele, depois que faz isso ele começa a caminhar para a parte de cima do colégio onde seus amigos estavam lanchando, em quanto isso bem longe dali um homem de jaleco preto e chapéu preto estava observando o colégio com um sorriso bem maléfico, ele tira seus óculos e põem uma das mãos no bolso e diz num tom muito maléfico e baixo e com um sorriso muito macabro:

???: Que os jogos comecem. Após dizer isso ele abre um imenso portal, e com isso vários demônios saem deste portal, o grande efeito disso tudo resultou no céu vermelho como sangue e o sol negro como as trevas, e um grande tremor aconteceu, após isso o estranho desaparece.

Todos da cidade de Tokyo ficam apavorados com os fenômenos desconhecidos, principalmente Akemi, Chieko, Ken e Makoto que estavam na parte de cima da escola, Mine tinha acabado de abrir a porta e encontra seus amigos, e ele tinha uma ferida no ombro quando o demônio o arremessou, Akemi olha para trás e vê e diz surpresa:

Akemi: Mine!?! O que é isso no seu ombro? Você viu o que aconteceu com o céu? O que deve ser? Diz ela surpresa e assustada ao mesmo tempo, ela fica com as mãos na cabeça com uma expressão muito assustada.

Chieko: Isso não pode ser possível! Como um fenômeno desses acontece assim tão der repente? Será que isso é um fenômeno novo que a humanidade ainda não descobriu? Diz ele mexendo nos óculos.

Mine: Primeiro isso no meu ombro é um corte que uma garota, demônio, seila o que era fez em mim ao me atacar, segundo não vi e com certeza isso não é bom sinal. Diz ele em quanto segura no ombro.

Ken: Acho melhor pararmos de ficar admirando e terminar de comer, pois teremos depois voltar pra nossas salas. Diz ela em quanto come o seu bolo de arroz.

Makoto: O Mine tem razão para mim isso não é bom sinal, tenho o pressentimento que algo ruim ira acontecer. Diz ele em quanto coça a cabeça.

Der repente à porta se abre atrás dele e a professora de matemática estava de pé olhando para os cinco com um sorriso muito macabro e estranho segurando em suas mãos uma grande faca, os cinco estudantes olham para a professora, ela diz num tom bem maligno para os cinco estudantes:

Professora: Morra Mine! Isso é por você ter se recusado a matar o luficer-sama! A professora corre em alta velocidade na direção do Mine e com a lamina da faca apontada para baixo tenta esfaqueá-lo, mas a Akemi consegue ser mais rápida e impede que a ação da professora aconteça e segura muito bem no braço dela e a joga contra a parede, fazendo a professora soltar a faca, Mine pega rapidamente à faca.

Chieko: Professora!?! Por que esta fazendo isso? O que ta acontecendo aqui? Diz Chieko sem entender nada do que estava rolando no local.

Ken: Isso ta ficando cada vez mais esquisito... – Diz ela em quanto come seus bolinhos de arroz com muita calma e tranquilidade.

Mine: Eu to estranhando mais ainda por que me atacou professora? O que esta rolando aqui? Diz ele com uma cara de não estar entendendo nada do que acabou de rolar.

Akemi: Isso ta estranho, a professora nunca foi de atacar alguém assim... – Diz Akemi estranhando a atitude da professora e encarando bem a mesma que estava se levantando.

Professora: Lúcifer-Sama me pediu para mata-lo porque você se recusou a servi-lo, Mine e pelo visto terei que matar os cinco que intervieram no meu ataque! Após dizer isso a professora se levanta e tenta bater na Akemi com o braço direito, mas a mesma desvia do soco e segura me firme o braço da professora e aplica um golpe de judô para derrubá-la.

avatar
Gusfe
Novato
Novato

Mensagens : 2
Estrelas : 6
Data de inscrição : 18/05/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Apocalipse Paranormal

Mensagem por Rukasu em Sex Maio 18, 2012 6:56 pm

Tá aí, gostei, o único problema é a organização mesmo. xP

A história está muito boa. ^-^
avatar
Rukasu
Administrador
Administrador

Mensagens : 17
Estrelas : 17
Data de inscrição : 18/05/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Apocalipse Paranormal

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum